segunda-feira, 23 de setembro de 2013

Mistério na Zona Sul e o Colégio Santa Marcelina

Mistério na zona sul e o Colégio Santa Marcelina

Não há prêmio literário nem remuneração material que pague a satisfação de um autor ao ter sua obra lida e ser prestigiado pelos seus leitores.

Na sexta-feira passada (20/09) estive no Colégio Santa Marcelina, em São Paulo, para conversar com os alunos das sextas séries sobre o meu livro Mistério na zona sul (romance infanto-juvenil publicado pela Editora Hedra em 2011). A obra foi adotada pela professora Maria Tereza Peres Munhoz de Freitas e colocada no centro das discussões dos alunos para a produção de textos, realização de brincadeiras e, provavelmente, de avaliações.

Logo que cheguei ao auditório do colégio, fui surpreendido pelos textos dos alunos que ficaram inteiramente à vontade para resenhar e criticar a obra. Em apenas uma página foram capazes de sintetizar a narrativa e tecer comentários sobre aspectos que reputaram interessantes.

Depois da leitura de alguns desses textos, fui para o auditório, onde a meninada, cuja faixa etária orça pelos dez anos, deu um show de perguntas inteligentes e sensíveis.

Enfim, foi uma manhã deliciosa e divertidíssima.

Agradeço, de coração, a todos os alunos, a profª. Maria Tereza e ao Colégio Santa Marcelina pela fantástica oportunidade de diálogo.

Seguem abaixo as fotos do encontro e alguns trechos dos trabalhos escritos pela meninada. Apenas por não saber se gostaria de ver seus nomes publicados aqui no blog, deixo de citar a fonte.

“Este foi um dos mais interessantes livros que já li. Não gostava e nem sabia direito o que era esse tipo de literatura. Quando fui ler achei que seria um livro qualquer, igual aos outros que eu já li, mas quando eu cheguei na primeira parte do suspense e mistério, não consegui parar de ler. Sempre, a cada página tinha um novo suspeito que poderia ser o vilão da história e um novo enigma para ser descoberto (....) Este foi um dos melhores livros que já li, e o primeiro de muitos outros romances policiais”

“Eu adorei esse livro, foi o melhor que já li na minha escola. Eu adoro filmes e livros de ação e mistério e romance policial, que nem esse. (...) Por favor, faça mais livros assim e a continuação desse”.

“Eu gostei do livro pois ele é de romance policial, e com as pistas que Plínio, Giulia e Tonico descobrem, vamos juntando-as e desvendando o mistério do orfanato Santa Isabel. Gostei também da forma que ela foi escrita, ela foi contada de uma forma bem contemporânea que facilita a leitura de jovens como nós”.

"Gostei do livro porque ele é interessante e não é daqueles livros que você é obrigado a ler. Ele é legal, dá vontade de ler, de continuar lendo, e eu adoro mistério, esse foi um dos motivos por eu gostar do livro".

"Eu nunca havia lido um romance policial por isso esse foi um dos motivos de ter apreciado tanto a leitura. Gosto muito de escrever e já pensei em ser até jornalista".



 Mural com os textos dos alunos


A meninada



A profª Maria Tereza e eu


Iuri Pereira (meu editor), eu e a meninada



A belíssima fachada do Colégio Santa Marcelina

Um comentário:

Thiago Gomes da Silva disse...

Parabéns Teacher!! Você merece!! Escreve pra caralho!!